Pesquisa personalizada Google

A roda da bicicleta

por Sérgio R. Ferreira

Existe uma estátua de pedra de um índio na porção Paraíso da Avenida Paulista em São Paulo. Ele está de cócoras sobre uma pedra, vestido daquele jeito que um índio se veste, o corpo um pouco inclinado para frente como se fosse resultado de certo impulso para jogar alguma coisa na água. O braço direito para o alto insinua que está armando um golpe de pescador para fisgar “aquele peixe” com uma lança. Quer dizer, até pouco tempo havia uma lança.


Aconteceu que algum engraçadinho tirou a lança da mão do índio e, no lugar, pôs uma roda de bicicleta com pneu e tudo. Estão acusando uma moradora de rua que dizem afirmar que aquele índio é seu namorado, e até veste roupa nele para que não fique com frio. Ficou muito engraçada aquela figura, pois dá a impressão que o índio está com muita raiva como se estivesse dizendo em alto e bom tupi guarani: “Quem foi o engraçadinho que levou minha lança? Quem pôs essa roda ridícula na minha mão?

A estátua data de 1920 e colocaram uma coisa moderna na mão dela. Não combinou. Pensei em como os valores estão sendo deturpados em nome na modernização. Alguém poderia dizer: Bem, ele segurava a lança há 89 anos e nunca pescou nada, seria melhor montar na roda e sair de cena! Seria cômico se não fosse trágico!

O criador da estátua, tinha em mente uma mensagem que ele gostaria que fosse transmitida por ela. Poderia ser a mensagem de que sem nenhum recurso humano Deus supre as necessidades dos homens. Poderia ser a mensagem da simplicidade que foi perdida, ou a fé do índio que esperava com certeza “aquele peixe”.

Quando Deus criou você, Ele também desejava que sua vida transmitisse uma mensagem a respeito da Sua pessoa e da Sua fidelidade. Mas o que o mundo moderno tem posto nas suas mãos?

Tiraram da mão da criança o livro e puseram um controle de vídeo game. Tiraram o diálogo das mãos da família brasileira e colocaram um controle remoto de TV. Tiraram o tempo devocional antes de dormir e puseram um tal do Big Brother. Tiraram a evangelização e puseram o entretenimento. Tiraram a boneca de plástico das mãos de uma menina de 9 anos e colocaram em seu lugar um bebê de verdade! Tudo isso soa como uma roda de bicicleta na mão de um índio. Coisas que estão no lugar errado!

É claro que se bem usadas, muitas dessas coisas podem contribuir para a atualização e o entretenimento, sem comprometer a fé cristã. Mas precisamos pensar na questão da prioridade.

Aprendemos que existem coisas que não podem ser tiradas da nossa mão, nem podem ser trocadas. Assim, é melhor que o adolescente leve a bíblia pra reunião e não o mp4. Que ele desligue o celular e deixe a mente ligada para ouvir a mensagem. Do contrário, seria como estragar o plano original, seria uma roda velha de bicicleta no lugar da espada do espírito que realmente pesca almas!

Caro adolescente, o que você está segurando em suas mãos agora? Com que você está gastando a maior parte do seu tempo? Pense nisso.

Fonte: www.irmaos.com


1 comentários:

"Antonio" disse...

Olá muito interessante as matérias postadas aqui gostei muito de uma visitinha no outro blog que tenho deixe um comentário assim poderei voltar aqui para mais visitas aos amigos e dar aquela força.

http://curiosidadesdoplantaterra.blogs.sapo.pt/

http://oblogdasnoticias.blogspot.com/

Antonio Abraços

 
© 2007 Template feito por Templates para Você